Schemer: um concorrente do Foursquare ou um conceito inovador?

Serviço da Google dá seus primeiros passos com maturidade, proposta diferenciada e recursos integrados.

Por Fábio Jordão em 29 de Junho de 2012

Quando pensamos que a Google não tem mais o que inventar, a empresa vem com uma surpresa na mão. Recentemente, uma inundação de notícias trouxe informações sobre o ProjectGlass, o Maps, o Android e, claro, os novos gadgets da companhia. Mas há uma aposta da empresa que não tem nada a ver com esses produtos.

Estamos falando do Schemer, um serviço de pouca repercussão no Brasil, mas que vem ganhando força no exterior. Lançado em dezembro do ano passado, a novidade da Google vem para oferecer opções de atividades aos clientes cadastrados.

Em um primeiro momento, muitos portais cogitaram que o site seria uma forma de ataque ao Foursquare. Mas será que é isso mesmo? Ele é um concorrente? Como exatamente funciona o novo serviço? Testamos a novidade da Google e o aplicativo para Android para compartilhar com você nossas opiniões e explicar um pouco mais sobre o Schemer.

Arranje o que fazer

Você não conhece o Schemer? Bom, então vale uma introdução rápida. Basicamente, a nova aposta da Google é um serviço para gerenciar atividades. Neste site, você pode cadastrar tarefas, marcar aquelas que você tem vontade de realizar, indicar seus interesses (como filmes, jogos e bares) e compartilhar suas experiências quando já finalizou algum esquema.

(Fonte da imagem: Reprodução/Schemer)

Depois de cadastrar seus interesses, o serviço sugere algumas atividades (os tais schemes). Caso você goste de alguma e queira realizá-la, clique em “I want to do it” (Quero fazer). Todavia, se você já concluiu a tarefa indicada, marque a opção “Already done it” (Já fiz) e deixe sua opinião sobre como foi realizar o esquema.

Difícil de entender? Vamos a um exemplo. Imagine que, entre os interesses selecionados, há uma dica para assistir a todos os filmes do diretor Christopher Nolan. Assim que você aceita a tarefa, já é possível adicionar opiniões. Depois de assistir aos filmes, volte ao Schemer e conclua a atividade, comentando sobre sua experiência.

(Fonte da imagem: Reprodução/Schemer)

É mais simples do que parece. Você também pode cadastrar suas tarefas, por exemplo: desejo almoçar no restaurante da esquina. Assim, caso seus amigos tenham interesse, eles também vão aderir ao esquema. Há também esquemas propostos por empresas, como a IGN, que sugere atividades de jogatina árdua.

É fácil entrar no serviço, não sendo necessário convite ou aguardar em uma fila de espera. Tudo que você precisa fazer é utilizar sua conta Google. Caso você já utilize o Google+, o Schemer vai importar seus contatos da rede que já fazem parte do serviço, ou seja, você não precisa sair caçando amigos.

Igual ao Foursquare?

Ao contrário do que sugeriam as primeiras notícias, o Schemer não parece ser um ataque ao Foursquare. O serviço da Google não serve para você fazer check-ins em todos os lugares que você visitar. Muito pelo contrário, a ideia do Schemer é avisar aos amigos aonde você deseja ir, de modo que todos os interessados possam combinar a realização do mesmo programa.

(Fonte da imagem: Reprodução/Schemer)

O Schemer também não pretende conceder a medalha de prefeito do barzinho só porque você deseja ir ao mesmo lugar toda semana. A ideia do serviço é que as pessoas incentivem outras a irem a determinado local quando elas gostarem de visitar aquele ambiente. Isso sem falar que o serviço da Google não serve apenas para compartilhar esquemas físicos, mas ideias como um todo. Algo que destoa bastante da proposta do Foursquare.

Experimente no Android e no iOS

Assim como tantos outros serviços, o Schemer possui apps especiais para rodar diretamente nos smartphones. A Google disponibilizou versões para Android e iOS, portanto, você não precisa se conectar ao serviço através do navegador.

Os softwares para portáteis funcionam exatamente igual à rede, porém têm algumas opções que não estão disponíveis neles. Todavia, é possível usar as funções básicas, adicionar comentários e aproveitar o melhor do Schemer. O aplicativo funciona em celulares e tablets, sendo necessário apenas ter o Android 2.2 ou superior – no iOS, é preciso usar a versão 4.2.

Faça novos esquemas

E aí, gostou da ideia? O Schemer é totalmente gratuito e tem muitas funcionalidades a oferecer. O serviço não tem muitos brasileiros, mas isso não significa que vai ser sempre assim. Teste já e arranje novas metas para sua vida.

Fonte: Baixaki

Cadeiras Nacionais na Aiup a partir de R$ 105,84 à vista com desconto!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s